22 junho 2013

Manifestação - O Que Aconteceu No Dia 20/06/13

Olá meninas.
 
Como todo mundo sabe, eu sou do tipo que adora uma rebelião. Não pelo caos, mas sim por que não existe nada mais lindo do que ver o povo lutando pelos seus direitos. Sempre admirei a forma como os jovens foram à luta durante a Ditadura Militar e juntos conseguiram mudar o país. Confesso, achei que esse sentimento de nacionalismo estava morto, mas como a última semana demonstrou, estava apenas adormecido dentro de nós. Ontem tive a incrível oportunidade de ir à manifestação que houve aqui no Rio e apesar do final lamentável devo admitir, a manifestação foi linda. Ver mais de 300 mil pessoas bradando o Hino Nacional a plenos pulmões... É uma coisa que não tem preço.

15:30

Cheguei a Central do Brasil para encontrar com uma amiga que também estava indo para a manifestação. As 16:00 chegamos a Candelária, local onde estava a concentração.

17:50

Ficamos cerca de duas horas na concentração, onde houve gritos de guerra, declarações dos bombeiros e um pedido de desculpa por parte de um policial a paisana por toda a brutalidade cometida pela policia. Enfim, as 17:50 começamos a caminhada rumo a Prefeitura.



video

18:45

Quase uma hora depois havíamos percorrido praticamente toda a Av. Presidente Vargas. Entoamos o Hino Nacional, gritos de guerra “Cabral, Paes, no Rio nunca mais”. O sentimento era de orgulho. Estávamos ali fazendo a história, lutando por nossos direitos e mostrando que não iriamos nos calar. Tudo na paz. Quando estávamos a aproximadamente 100 metros da Prefeitura demos de cara com a Cavalaria e com a Tropa de Choque. O que aconteceu a seguir tem muitas versões. Alguns dizem que um grupo de manifestantes começou a brigar e a Tropa de Choque atirou bombas de gás lacrimogêneo, outros dizem que a policia avançou pra cima dos manifestantes que até então não haviam feito nada. O fato é que em seguida o caos se instalou. Pessoas voltaram correndo, relatos de que a policia estava partindo pra cima chegavam por todos os lados. Começamos a ouvir barulho de bombas estourando e pessoas sendo carregas passando mal.

19:00

Os organizadores pedem a todos para que sentem para que a polícia possa identificar os vândalos. Não funcionou. As pessoas estavam em pânico, corriam de um lado para o outro tentando sair do meio da confusão. Consegui chegar até a passarela que leva a Praça Onze, ali fui sufocada por gás lacrimogêneo e vi pessoas levando tiro de borracha ao meu lado. Em seguida a luz da avenida foi cortada e as pessoas entraram ainda mais em pânico. Virei na rua paralela na tentativa de pegar o metro. Mas assim que entrei na Rua Afonso Cavalcanti dei de cara com os manifestantes em confronto direto com a polícia. A cena era de uma verdadeira guerra, o sentimento de pânico total. Havia fumaça para todo lado e clarões repentinos vindo das bombas e dos tiros. Por um momento não soube o que fazer, então num momento de desespero agarrei a mão da minha amiga e sai arrastando-a pelo meio do confronto até chegarmos ao Sambódromo. Lá as coisas estavam mais calmas. Ficamos durante um tempo até as pessoas começarem a se agitar novamente. Antes que houvesse mais correria voltamos a Presidente Vargas e junto com a multidão conseguimos chegar até a Central. No caminho de volta alguns vândalos tentaram derrubar grades do Terreirão do Samba, invadir uma escola publica e destruir placas e pontos, mas até aquele momento a maioria pacifica conseguiu controlá-los.

20:10

Estávamos na Central quando um grupo saiu correndo em direção a Biblioteca Municipal querendo vandalizar. Foi ai que vi a cena mais linda e emocionante de toda a manifestação. Um grupo de manifestantes pacíficos fez um cordão em volta da Biblioteca, literalmente abraçando-a e berrando “A biblioteca não”. Neste momento lágrimas me vieram aos olhos, pois como todo mundo sabe, eu sou uma verdadeira amante dos livros.

20:30

Voltamos a Central, onde no Campo de Santana já haviam muitos cartazes pendurados nas grades. O metro ali também estava fechado, mas por sorte consegui pegar um ônibus e voltar para casa.

Quando cheguei as 22:00 recebi ligações de amigos dizendo que estavam presos na IFCS – Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da UFRJ. Eles contavam que estavam cercados e que a policia estava fazendo prisões arbitrarias. Mas a mais feliz de todas, foi a noticia de que um ex-colega do ensino médio, Caio Brasil, que havia sido preso na segunda, tinha sido solto.


No fim, o que ficou foi o sentimento de orgulho, a felicidade estar ali, lutando por nossos ideais, por um país mais justo e melhor. Nada, nem mesmo o confronto no final, foi capaz de manchar o sentimento de que eu estava fazendo o certo e de que aquilo era algo pelo que se valia a pena lutar. Espero que todas essas manifestações surtam efeito e que as mudanças de fato sejam para melhor. O importante foi a demonstração de que estamos unidos em um objetivo comum: Melhorar o Brasil.

6 comentários:

  1. Nossa, eu simplesmente amei o post! Sério, foi um dos posts mais lindos que li falando sobre essas manifestações... eu ainda estou implorando aos meus pais para poder ir, haha espero que possa ir no dia 1°.

    Flor, eu amei essa gama de informações que você postou aqui, e agradeço você por ter ido representar nós cidadões. Só de ler a parte em que você fala 'A biblioteca não', eu também sinto uma lágrima saindo dos meus olhos... kkkk mesmo não estando lá eu me toco com isso!

    Obrigada pelo post,
    Beijão flor
    http://cappuccinoebobagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Pois é Bruna, este momento é delicado, mas fundamental para o país, vamos continuar lutando pelo que é nosso.
    Bjs e obrigada pela visita

    ResponderExcluir
  3. Acredito que todos que tenham ido em algum manifesto, apesar dos pesares, sentiu esse sentimento final de orgulho por estar ali e ver uma massa correndo atrás dos direitos, que nem sabemos se serão atendidos. Mas não pode parar.

    http://blushmeglam.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Estou lendo todos os posts sobre as manifestações. Parabéns por este. (:
    Orgulho....
    Estou seguindo o blog.

    ResponderExcluir
  5. É isso ai, vamos a luta.
    #vemprarua
    Beijinhos
    http://vidadprincess.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Adorei o post... vamos pra rua brasil! heheh
    espero que todos se lembrem disso qnd forem votar neh?

    bjos ja estou seguindo o blog

    http://jessicamakems.blogspot.com/
    http://youtube.com/jessicamakems/
    https://www.facebook.com/jessicamakems

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, dicas e sugestões.
Tem blog? Deixe o link, vou te visitar!
Me siga, informe, que eu sigo de volta. Bjs